P R
Portale Romanista
Uma Fe' Que Nunca Tem Fim
ANO XVI
FELLAS
FORUM
BLOG
TOTTI
RESENHAS
TIRINHAS
News Quem é Dan Friedkin?A Roma é de FriedkinDzeko alcança Volk e Roma a fase de grupos da UEL3 nomes para o pós PetrarchiZaniolo não é um caso e Dzeko não está descontenteZaniolo, do golaço ao abraço em ManciniMenos burocracia, mais agilidade para o Stadio della RomaCeres pede desculpa para Roma e Bruno PeresTítulo e gol sobre a Lazio, o pé de coelho de Totti
P R Alcatéia
ciao, visitante

Login:
Password:


Total Online: 1
Visitantes: 1
Membros: 0
P R Forum
Botéko Giallorosso
Venda da Roma
SEVILLA 2-0 ROMA
JUVENTUS 1-3 ROMA
TORINO 2-3 ROMA
Pretenções
ROMA 2-1 FIORENTINA
Salários
SPAL 1-6 ROMA
P R Blog
P R Tirinhas
Champions: Entella? Imagine o Porto... (Baldissoni)
17/12/2018 às 14:54

“Hoje como hoje estamos preocupados com o Entella na Copa Itália, imaginem o Porto que fez recorde de pontos e nos eliminou dois anos atrás”: é o comentário do diretor geral da Roma, Mauro Baldissoni, no sorteio das oitavas de final da Liga dos Campeões da Europa. “A Roma deve ser a Roma e enfrentar qualquer que seja o adversário. É normal que muitos de nós teria escolhido o Porto, mas isto só vale no papel - disse para os microfones da Sky - em todo caso devemos nos preocupar primeiro conosco, é bobo se preocupar com o adversário. Devemos voltar a ser a Roma para enfrentar com seriedade o duelo”. “Preocupar-se com o Entella não é para a Roma? Este ao contrário é justamente um pensamento como Roma - responde o dirigente giallorosso -, porque a equipe tem potencialidade não expressas com continuidade e foi assim nos anos anteriores. É uma característica que não conseguimos corrigir e devemos fazê-lo o mais rápido possível. Este ano foi também um erro e a mais as muitas lesões, por sorte a partida com o Porto é em fevereiro e não agora. Mas - repete - é mais importante ser a melhor Roma possível antes de pensar no adversário”.

BANCO QUENTE 

“Di Francesco ameaçado por Paulo Sousa? A vós agrada apontar o dedo sobre as pessoas, mas não acho justo personalizar. O futebol ensina que os resultados são determinantes antes de tudo para o treinador e vale inclusive no nosso caso. As avaliações são feitas cotidianamente, mas não estamos a cada semana estabelecendo quem deve ser o treinador entre um e outro”, acrescentou Baldissoni. “Quando se fala de erros esclarece o resultado, mas são situações devidas a uma combinação de motivos. É importante trabalhar para encontrar soluções e é o que estamos fazendo. O ano passado - sublinha Baldissoni - Di Francesco fez um terceiro lugar e a semifinal da Champions, demonstrou poder treinar a Roma. Este ano existiram dificuldades evidentes, inclusive no que diz respeito ao número de jogadores disponíveis, e é mais difícil enfrentar com jogadores menos capacitados. Buscamos primeiro resolver estes problemas e de compactar-se, depois veremos”. No que diz respeito o mercado, Baldissoni sublinha que “devemos buscar desfrutar o melhor das potencialidades já existentes na equipe e depois ver a compensação de alguma lacuna”. “Existem jogadores que por vários motivos não estão em condições de dar um aporte importante para a equipe, mas na Roma existem jovens a definir jogadores válidos e estamos muito felizes com eles, lhes fora pedido uma tarefa difícil em um momento de dificuldade e mostraram ousadia”.

Fonte: Il Messaggero
P R Avalie

Portale Romanista Brasil © 2004
uCoz