P R
Portale Romanista
Uma Fe' Que Nunca Tem Fim
ANO XV
FELLAS
FORUM
BLOG
TOTTI
RESENHAS
TIRINHAS
News Quem é Dan Friedkin?A Roma é de FriedkinDzeko alcança Volk e Roma a fase de grupos da UEL3 nomes para o pós PetrarchiZaniolo não é um caso e Dzeko não está descontenteZaniolo, do golaço ao abraço em ManciniMenos burocracia, mais agilidade para o Stadio della RomaCeres pede desculpa para Roma e Bruno PeresTítulo e gol sobre a Lazio, o pé de coelho de Totti
P R Alcatéia
ciao, visitante

Login:
Password:


Total Online: 1
Visitantes: 1
Membros: 0
P R Forum
Botéko Giallorosso
Venda da Roma
SEVILLA 2-0 ROMA
JUVENTUS 1-3 ROMA
TORINO 2-3 ROMA
Pretenções
ROMA 2-1 FIORENTINA
Salários
SPAL 1-6 ROMA
P R Blog
P R Tirinhas
Roma: Roma mais uma vez no chão e a torcida revoltada
28/11/2018 às 10:45

Tudo acrescentado, o interrogativo é o de sempre: ver os copos meio vazio ou meio cheio. Se vale a ultima situação, na casa giallorossa colocam na vitrine a classificação para as oitavas de final da Champions com um turno de antecipação; se então se lembra “a sete” do torcedor que tem fome de gloria, não podemos nos contentar que mais uma vez seja uma jornada de dolorosa paixão para o universo romanista. Web e rádios romanistas, de fato, colocam a tona a amargura da torcida, que nem sempre se exprimem de modo oxfordiano. Ao contrário. Tudo isso, não tanto pela derrota com o Real Madrid - um resultado no fundo não fora da lógica do futebol - quanto pelo fato que os primeiros três meses da temporada jogamos (aparentemente) fora todos aqueles sonhos que são o motor do futebol. Se o campeonato vai muito mal, a Europa parecia o terreno no qual cultivar o silêncio a quimera da imprensa, no estilo da cavalgada da temporada passada.

SONHO DESPEDAÇADO - Ao contrário não: assim o rendimento na Serie A é surpreendente (isto é abaixo das expectativas) e aquele na Champions na norma (isto é abaixo do nível das grandes). Sob o banco dos réus, hoje, se apresentam sobretudo em três: o presidente Pallotta, o diretor esportivo Monchi e o próprio Di Francesco. O presidente, mais uma vez insultado pelos ultras antes da partida, paga também o fato de não estar presente ontem na cerimônia do ingresso de Francesco Totti no “Hall of Fame”. O diretor espanhol de ter proposto um mercado abaixo das expectativas, e o treinador - além dos resultados - de fazer uma preparação evidentemente não adaptada aos músculos de muitos giallorossi.

ZANIOLO E OS SEUS IRMÃO - O ultimo paradoxo, entre outros, é o próximo domingo contra a Inter - em uma partida que poderá ser delicadíssima para o próprio Di Francesco (existe sempre a sombra de Paulo Sousa que incube) - a Roma se encontrará fora da casta dura do meio campo e do ataque justamente por causa das lesões dos antigos e novos. Out então de De Rossi, Pellegrini, Pastore, Dzeko, Perotti e El Shaarawy e confiança obrigada, então, simplesmente aos baby que até agora mostram (por causa da idade) mais sombra que luz, com exceção a Nicolò Zaniolo, ex-nerazzurro, que aos 19 anos ontem jogou pela segunda vez consecutiva contra o Real Madrid como titular. Por isso domingo espaço para Under (na mira por causa do clamoroso gol perdido no primeiro tempo, quando já havia se tornado um cult na questão gols), Kluivert e Schick, que mais uma vez está na polêmica dos torcedores: “Cometemos sempre os mesmos erros: definimos fenômenos aqueles que jogaram somente uma bela partida”. E alguns amargos comentários: “Talvez tenha razão Kolarov, não entendemos nada de futebol”.

 

 

 

Fonte: Massimo Cecchini (Gazzetta)
P R Avalie

Portale Romanista Brasil © 2004
uCoz