P R
Portale Romanista
Uma Fe' Que Nunca Tem Fim
ANO XV
FELLAS
FORUM
BLOG
TOTTI
RESENHAS
TIRINHAS
News Quem é Dan Friedkin?A Roma é de FriedkinDzeko alcança Volk e Roma a fase de grupos da UEL3 nomes para o pós PetrarchiZaniolo não é um caso e Dzeko não está descontenteZaniolo, do golaço ao abraço em ManciniMenos burocracia, mais agilidade para o Stadio della RomaCeres pede desculpa para Roma e Bruno PeresTítulo e gol sobre a Lazio, o pé de coelho de Totti
P R Alcatéia
ciao, visitante

Login:
Password:


Total Online: 1
Visitantes: 1
Membros: 0
P R Forum
Botéko Giallorosso
Venda da Roma
SEVILLA 2-0 ROMA
JUVENTUS 1-3 ROMA
TORINO 2-3 ROMA
Pretenções
ROMA 2-1 FIORENTINA
Salários
SPAL 1-6 ROMA
P R Blog
P R Tirinhas
Serie A: Show e emoções, Roma-Inter 2-2
02/12/2018 às 20:49

A Roma está viva e empata merecidamente no Olímpico diante da Inter: 2 a 2 e dupla reação. A Keita replica Under, e a Icardi Kolarov. Sobre a marca do pênalti, o primeiro em 14 rodadas. Mas Pallotta não está presente: como em agosto de 2017, foram os árbitros do var a frear os giallorossi. Na temporada passada Irrati sem ajuda de Orsato, não vê a falta de Skriniar, na área, sobre Perotti para o possível 2 a 0. A história se repete e sempre contra os nerazzurri do ex-Spalletti: Rocchi não pune a rasteira de D’Ambrosio em Zaniolo sob o 0 a 0 e Fabbri, diante do vídeo, lhe dá razão. Pallotta e Totti se revoltam no final da partida, mas no entanto a zona champions ficou mais longe: -5 pontos do Milan quarto. O sétimo lugar, com 12 pontos a menos que na temporada passada, é frustrante.

NOVA INJUSTIÇA 

Eis porque os apulados da torcida não bastam a Roma. Que chega mais perto da vitória que a Inter. A décima trave nessa temporada, golpeada por Florenzi antes do erro grosseiro da dupla Rocchi-Fabbri, é o símbolo de quanto Spalletti sofreu novamente diante de Di Francesco, jamais capaz de bater o colega nos 6 precedentes (4 derrotas e 2 empates). As ausências não incidem. Sem os titulares Fazio, De Rossi, Lorenzo Pellegrini, El Shaarawy e Dzeko, nos quais se juntaram a Kardorp e Coric, os giallorossi permanecem na partida até o último segundo, com a décima nona formação diferente em 19 jogos pela temporada, chegam perto da vitória nos acréscimos com Cristante: cabeçada que passou do lado da trave. Rocchi é o mesmo arbitro que decide a partida no Juventus Stadium em Turim naquele outubro de 2014, com Garcia: tripla visão e 3 a 2 para os bianconeri. Derrota marcada pelo arbitro fiorentino. Que concedeu o bis nesta noite no Olímpico.

REAÇÃO PARCIAL

A Roma porém, não se apresentou como 4 anos atrás nem muito menos como nas duas últimas partidas diante de Udinese e Real. E evitou a terceira derrota consecutiva. Mesmo se sobre os gols da Inter pesam as indecisões respectivamente de Jesus e Manolas. Keita marcou logo depois da gafe do juiz da partida e o responsável pela Var, mas no inicio do segundo tempo Under disparou, com uma esquerda de fora da área, a sua raiva no gol de Handanovic. E, para recuperar depois da cabeçada de Icardi, serviu o arremate, sempre de esquerda, de Kolarov da marca do pênalti: braço de Brozovic na área. Rocchi ainda distraído, não Fabbri, porém. Com 18 gols, os giallorossi possuem o melhor ataque em casa da Série A. Mas mais uma vez, ficando atrás, não conseguiram vencer: 3 remontas sobre 7 tentativas, mas apenas 3 empates.

EX CAÇADO OFENDIDO

Di Francesco, na noite pela qual defendeu o banco, obrigou-se a colocar em campo, no 2º tempo, tanto Perotti como Pastore. Zaniolo, até quando ficou em campo, mostrou personalidade e caráter. Ex imprudente, então. Algum sinal de crescimento de Schick. Spalletti tentou tomar o jogo inserindo Politano, Vecino e Lautaro Martinez. Suas intervenções não funcionaram. E, em plenos acréscimos, desabafou a beira do campo. Uma simples punição contra, depois do aterramento de Nzonzi. Expulsão. Obviamente vaias e insultos da torcida. Como no antes do match.

P R Avalie

Portale Romanista Brasil © 2004
uCoz